secundário indispensável

No cinema ou teatro, o ator coadjuvante é aquele que desempenha um papel secundário, porém sua presença é indispensável para o desenrolar da trama. Ele pode não ser o ponto de destaque e nem aparecer em todas as cenas, mas o seu papel é de profunda importância para a história. Na decoração não é diferente. Também encontramos alguns móveis coadjuvantes que, apesar de discretos, fazem toda a diferença em uma composição.

Coadjuvantes na decoração

Coadjuvantes na decoração.

Os móveis coadjuvantes são muito presentes na decoração. Sempre agregando charme e praticidade aos ambientes, eles são indispensáveis para o bom funcionamento da composição. Para provar como eles são importante, trouxemos dois exemplos, que você com certeza tem – pelo menos um deles – em casa.

COADJUVANTES NA DECORAÇÃO

O criado-mudo. No quarto, a maioria das vezes ele quase não aparece, porém a sua funcionalidade é indiscutível. Além de ser muito bonito, esse móvel completa a decoração do ambiente. Usado como apoio para livros, abajures, relógio e despertador, ele é uma daqueles peças já fazem parte da decoração do quarto. Em diversos tamanhos e modelos, até os cômodos mais pequenos são capazes de acomodá-los. E com um pouco de criatividade, outros objetos podem ser usados como criado-mudo, deixando a composição muito mais charmosa e original.

O aparador. Versátil e discreto, o aparador se encaixa perfeitamente na decoração da sala de jantar. O que não quer dizer que ele não pode ser utilizado na sala de estar, no hall de entrada, no corredor ou no quarto. Esse é móvel capaz de colocar outros objetos em evidência, seja um porta-retratos ou um vaso de flor. Desempenhando diversas funções em diferentes ambientes da casa, esse é um coadjuvante que faz toda a diferença!

Confira todo o charme e beleza dessas peças nos ambientes:

E você, qual móvel coadjuvante é indispensável na decoração da sua casa?

O segredo para decorar bem? 🙂
Decore com Amor!
Assine e receba GRATUITAMENTE as melhores dicas de decoração!